Carnaval Patrimônio 2019 é lançado com homenagem especial às Damas do Samba




Ouvir conteúdo
Por Nízea Coelho.em 15/02/2019

Texto: Greiza Tavares

Na noite da última quinta-feira, 14, aconteceu o lançamento do Carnaval Patrimônio 2019 – Ouro Preto – Damas do Samba, no auditório do Paço da Misericórdia. O evento contou com a presença de autoridades, representantes da comunidade e da imprensa local. Além da divulgação dos detalhes da programação do Carnaval deste ano, o destaque foi a homenagem especial às Damas do Samba:  a costureira Maria Pompéia Oliveira, conhecida como Dona Fiica; a primeira porta-bandeira, Eunice Guimarães, a Dona Nice; a carnavalesca e primeira mulher presidente de escola de samba, Maria Nazaré Mazzoni, a Dona Naé (in memoriam); e a compositora, Maria José Ferreira, mais conhecida como Mãe Maria (in memoriam).

Estiveram presentes autoridades: o prefeito de Ouro Preto, Júlio Pimenta; o secretário de Turismo, Indústria e Comércio, Felipe Guerra; o secretário de Governo, André Simões; o secretário de Cultura e Patrimônio, Zaqueu Astoni; o presidente do Conselho Municipal de Turismo – COMTUR, Jorge Adílio; os vereadores Zé do Binga, Chiquinho de Assis e Alisson Gugu; e o representante das empresas organizadoras e patrocinadoras do carnaval, Eberty Salles.

O evento contou ainda com a presença do presidente do Bloco Zé Pereira Club dos Lacaios, Artur Carneiro; o representante dos blocos estudantis, Mateus Silva; o presidente da Liga das Escolas de Samba de Ouro Preto, João Bosco e todos os presidentes das sete escolas de samba participantes do desfile deste ano.

Para entregar a faixa às homenageadas, o prefeito Júlio Pimenta convidou sua mãe, D. Ana Pimenta e sua esposa Rosilene Rioga. Receberam e vestiram as faixas de “Damas do Samba”, Dona Fiica e Dona Nice. Representando Dona Naé, esteve presente sua irmã, Suely Silva; e representando Mãe Maria, sua filha, Magda Ferreira. Todas as homenageadas se declararam emocionadas e honradas. Magda Ferreira, filha da compositora Mãe Maria, falou da importância dessa homenagem para valorizarem o papel da mulher na sociedade. “Percebemos que a mulher não é só forno e fogão, mulher é muito mais que isso e através dessa homenagem, são enaltecidas todas as outras que trabalham, são donas de casa, mães, educadoras e que estão sempre à frente sem medo de realizar seus objetivos”.

O prefeito Júlio Pimenta destacou que Ouro Preto tem uma tradição muito grande voltada ao carnaval. “Este ano estamos homenageando as Damas do Samba, que são mulheres que tanto fizeram para o carnaval de Ouro Preto e, através delas, estamos homenageando todas as mulheres ouro-pretanas”, afirmou. A respeito da realização do evento com o mínimo de gastos dos cofres públicos, sobretudo em um momento de crise financeira no Brasil, o prefeito ressaltou a grande oportunidade de emprego e renda que o Carnaval gera. “Muitas pessoas vão ter oportunidade de trabalho e de uma renda extra nestes dias de carnaval; lembrando que o evento está sendo custeado por patrocínio, através da Lei Rouanet, com isso não tendo nenhuma despesa do poder público, a não ser a limpeza e a segurança, que faz parte das nossas atribuições”, concluiu.

O secretário de Turismo, Indústria e Comércio, Felipe Guerra, agradeceu a todos os presentes e toda a equipe envolvida na organização. O secretário afirmou que este carnaval é um resgate cultural das tradições ouro-pretanas, como a batalha de confetes, o desfile de corso, o baile de máscaras, os grupos de marchinhas pelas ruas e também os grupos teatrais. “Dessa forma, a gente se posiciona no mercado de forma diferenciada, atraindo mais foliões para a cidade e mostrando para o Brasil e para o mundo a cultura de Ouro Preto, que tem um dos cinco melhores carnavais do país. Este carnaval foi pensado e realizado de forma conjunta pelo povo e para o povo”, declarou.

Alerta Meteorológico

Estado de observação
  
 
 
 
saiba mais

Receba notícias da Prefeitura

×