Campanha contra abuso sexual acontece nas escolas do município
Em 17/05/2017


O abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes é uma prática muitas vezes oculta, porém recorrente na sociedade. Para combater ações deste tipo, instituições públicas ouro-pretanas se uniram em uma campanha educativa. A Secretaria de Desenvolvimento Social, Habitação e Cidadania, por meio do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), e o Conselho Tutelar prepararam diversas atividades para as escolas municipais com início no dia 12 e término em 26 de maio.

Neste ano, o público-alvo é formado por crianças de 4 a 7 anos que ainda não conseguem verbalizar ou reconhecer quando estão sendo abusadas. De acordo com a assistente social, Pollyana Meyer de Souza, a abordagem será através de vídeos didáticos e conversa, além de uma cartilha produzida especialmente para as crianças, com desenhos para colorir. Essa cartilha possui informações complementares, direcionadas aos pais, sobre quais medidas devem ser tomadas caso algum indício de abuso seja detectado. “É necessário esse tipo de intervenção, pois as crianças desta faixa etária precisam diferenciar um carinho de um abuso, por exemplo”, explica Pollyana.

Além da programação nas escolas, nos dias 17, 18 e 19 haverá panfletagem na Praça Tiradentes com os materiais educativos distribuídos nas escolas e outras cartilhas informativas. Na ocasião serão distribuídas balas e balões para as crianças que perpassarem pelo local.

O que fazer em casos de abuso sexual?

Se a criança contar para você algo suspeito, procure ouvi-la. Tente deixar bem claro que ela não é culpada por qualquer coisa que tenha sido obrigada ou tenha aceitado fazer. No caso de suspeita de violência sexual, os pais ou responsáveis podem fazer uma denúncia anônima pelo disque 100. Além disso, podem procurar o Conselho Tutelar pelo número: 3559-3207; ou o CREAS pelo número: 3551-6101.

Alerta Meteorológico

Estado de observação
saiba mais
  
 
 
 

Clima da cidade

Receba notícias da Prefeitura

×